4 de jul de 2014

Criaturas Magicas: Dementadores!!!


 O dementador é uma criatura das trevas, considerada uma das mais repulsivas que habitam o mundo. Os dementadores se alimentam da felicidade humana e, portanto provocam depressão e desespero em qualquer um que esteja próximo deles.
Eles também são capazes de consumir a alma de uma pessoa, deixando suas vítimas em um estado vegetativo permanente e, assim, são frequentemente referidos como demônios sugadores de alma. O Ministério da Magia usou os dementadores como guardiões de Azkaban até a metade do ano de 1996, quando Lord Voldemort foi visto no Ministério e deserção deles foi percebida. Dementadores não são leais a ninguém exceto a quem os fornece a maior quantidade de almas possível.

Descrição
Dementadores têm a forma de um humano, com aproximadamente três metros de altura, mas cobertos por capas escuras e encapuzadas que só revelam mãos e rostos cinzas e deteriorados. Eles não têm olhos, apenas um enorme buraco no lugar da boca, que é usado para sugar a alma da vítima em um processo chamado o Beijo do Dementador, que é geralmente considerado pior que a morte.

Embora os trouxas não possam ver os dementadores, eles são afetados de maneira similar que os bruxos e bruxas, ficando depressivos quando próximos deles. Enquanto pelo menos um aborto, Arabela Figg, tenha afirmado ter visto um dementador, a verdade é que abortos não podem vê-los, mas têm conhecimento em magia suficiente para identificar seus efeitos.


 Em caso de ataque abra imediatamente: 
Chocolate é um remédio efetivo em casos moderados de contato com dementadores. Também, dementadores não são propriamente capazes de sentir os pensamentos e emoções de uma pessoa quando ele ou ela assume uma forma de um Animago, o que permitiu que algumas pessoas, como Sirius Black, pudessem evitar temporariamente sua influência traiçoeira.

Um comentário:

  1. Olá Camilla! Estou passando pra te avisar que te tagueamos lá no blog! Esperamos que vc responda!
    http://bagagemliteraria1.blogspot.com.br/2014/07/tag-meu-namorado-literario.html

    ResponderExcluir